domingo, 7 de setembro de 2008

Cesárea Minimamente Invasiva

Vou frizar que sou TOTALMENTE ADEPTA DO PARTO NORMAL, mas para quem, talvez, não tenha essa opção aí vai uma matéria que eu achei interessantíssima e que vale a pena perguntar ao Obstetra mais detalhes!!!!
Bjs da Pimenta

Cesárea Minimamente Invasiva

Esta é uma nova técnica de cesariana capaz de reduzir o tempo cirúrgico, a dor e melhorar a recuperação da mulher no pós-parto. O método já é utilizado nos Estados Unidos, na Europa, na China e na Índia e agora ganha adeptos no Brasil.O método foi criado em Israel pelo Dr. Michael Stark. A idéia é traumatizar o mínimo possível os sete tecidos abdominais que precisam ser abertos antes da retirada do bebê. A abertura da barriga é feita de um jeito bem menos agressivo:1. O médico corta a pele e o tecido subcutâneo — a gordura — da mesma forma que na cirurgia convencional.2. Depois corta a aponevrose, uma capa que recobre os músculos. Aqui surge a grande diferença: no método tradicional, ela é descolada dos músculos até o umbigo, lesando nervos e vasos. Na nova técnica isso não acontece.3. Outra mudança importante: os músculos são separados com a mão, em vez de cortados.4. O médico corta duas camadas de peritônio, membrana que envolve os órgãos internos, mas não descola esse tecido da bexiga, como na técnica convencional.5. Por fim, abre a parede do útero e o bebê é retirado.6) No lugar das sete camadas que eram suturadas antigamente suturamos apenas quatro: útero, aponeurose, subcutâneo e pele. Isto significa menos dor pós-operatória, menor tempo cirúrgico, diminuição de custos, recuperação mais rápida e menor necessidade de analgésicos. As vantagens da Cesárea Minimamente Invasiva são a diminuição em cerca de 10 minutos no tempo da cirurgia; menor lesão dos tecidos porque são feitos menos cortes; menos sangramento durante a cirurgia; menos dor no período pós-operatório e redução do uso de analgésicos.O Prof. Dr. Thomaz Gollop é um dos introdutores desta técnica aqui no Brasil. Realiza cesarianas minimamente invasivas há 3 anos.

2 comentários:

Ka Barbosa disse...

Fiquei nervosa só pensar nessa cirurgia!
Parabéns pelo blog! Muito bom!

Bjus
Ka
donadafesta.blogspot.com

Anônimo disse...

Por que nao:)

 

Umbigo Especial > DESIGN BY DATA ESPECIAL.COM.BR